Portal talk:Pt

From translatewiki.net
Jump to navigation Jump to search

Traduções para Português Europeu (pt)

Consulte, siga e desenvolva o Auxiliar de Tradução para o Português Europeu (pt).

Cheatsheet de tradução

propostas

  • alias: nome alternativo ?
  • browser: browser (e não navegador)
  • bug: (falha|problema|defeito|erro)?
  • character: caracter? caractere? caráter? carácter?
  • click the button: (pressionar|carregar|clicar)? o botão
  • copyright: direitos autorais / direitos de autor(?)
  • debug: depurar?
  • directory: pasta / directório ?
  • embed/embedded: incorpora(r/do)? integra(r/do)? embuti(r/do)?
  • expiry/timeout: validade / expira em
  • feed: fonte? feed? fonte rss?
  • fetch/retrieve: agregar? buscar?
  • flag: marca?
  • handler: manipulador / tratador?
  • handle: handle?
  • hover (the mouse): passar (o cursor do rato) sobre?
  • inline: ?
  • input: entrada?
  • job: tarefa
  • language: língua (e não idioma)
  • log: registo (br: registro)
  • link: ligação
  • media: conteúdo
  • mouse: rato? cursor? cursor do rato? (br:mouse)
  • namespace: espaço nominal? domínio?
  • override: sobrepor / substituir(?)
  • parser: analisador? / processador?
  • password: palavra-chave (e não "senha", ou "palavra-passe")
  • perform: executar
  • purge: expurgar? / purgar?
  • query: consulta
  • render: sintetizar? reconstruir? reproduzir? apresentar?
  • right: permissão (e não "direito")
  • scan: varrer (?) / varredura
  • setting: configuração / definição
  • slave (server): ??
  • stream: fluxo?
  • target: destino
  • template: predefinição / modelo
  • timestamp: marca temporal?
  • token: peça? / pedaço?
  • threshold: limiar? limite?
  • user: utilizador (br: utilizador também)
  • upload: carregamento
  • virus scanner: antivírus?

Notas:

  • Regra geral, não usar "você", porque já está subentendido no verbo; apenas se justifica quando é necessário desambiguá-lo. Portanto diz-se "Pode ver" em vez de "Você pode ver", etc.

Discussão

minha opinião, as outras concordo:

  • alias: OU nome alternativo OU apelido
  • bug/issue: contextualizar: p. ex. no Mantis foi traduzido como Caso, mas em outros pode ser erro, ou problema
  • cache: ? (não traduzir?)
  • copyright: direitos autorais / direitos de autor(?) - o primeiro tem utilização corrente no pt-br
  • character: caracter? caractere? caráter? carácter? - br: caractere
  • expiry: validade? ou, "expira em"
  • hook: ??? grampo?? anzol?? - sem nenhuma tradução que faça sentido...
  • log: registo (br: registro)
  • namespace: espaço nominal? domínio? - espaço nominal seria melhor, a própria wp já usa esse termo
  • purge: ??? purgar?? - purgar é mais correto, embora limpar seja usado em alguns poucos casos
  • scan: varrer (?)/varredura
  • template: predefinição/modelo - contextualizar, para o MW o ideal é predefinição como na WP.
  • user: utilizador (br idem)


Interessante. as minhas observações (fora de ordem):
  1. user: pensei que no brasil se usasse usuário. ótimo então que o termo seja único. teremos que corrigir todas as referências a "usuário" então. As pt penso que tratei delas todas há uns dias atrás, pelo que devem ser no momento apenas pt-br a precisar de atenção nesse aspecto. Obs.: cuidado que o google translate quase sempre usa "usuário", às vezes por distracção pode-se deixar passar.
  2. copyright: eu sei que direitos autorais é o mais usado no brasil. A minha dúvida é se seria aceitável usar esse termo também em pt (incorrecto não seria...). Mesmo que seja só para ter duas palavras em vez de 3 (tenho a impressão que tornaria algumas construções de frases menos estranhas, já que em inglês é apenas copyright e podem dar-se ao luxo de fazer estruturas frásicas mais complexas...
  3. relacionado com o acima, acho conveniente decidirmo-nos por um termo único para override, setting, feature, e talvez outros. Não me parece que valha a pena ter dois termos já que são largamente equivalentes.
  4. log: esqueci-me de adicionar o br ^^ vou acrescentar.
  5. template: tens razão, é preciso contextualizar. também irei acrescentar.
  6. namespace: confesso que sempre achei "espaço nominal" um termo estranho, não consigo extrair um sentido dele (embora já saiba de antemão o que significa). Domínio é para mim muito mais intuitivo, além de ser mais simples.
  7. character: fiquei com dúvidas em relação ao pt, penso que vi há uns dias a tradução como "caráter" e agora estou confuso :P
  8. hook e cache: ok, se calhar o melhor é não traduzir, mesmo... mas da tradução de "string" também desgosto, será que não ficava melhor não traduzir também?
  9. bug/issue: caso, taí algo que não me tinha ocorrido. Acrescentarei.
  10. alias: queres dizer que temos que escolher um deles? o apelido em br funcionaria, mas em pt isso equivale a "alcunha". Embora nos dois casos os termos me pareçam demasiado informais para este contexto...
  11. expiry: "expira em" faz sentido, mas como se traduziria "expiration date for ..." -- data de expiração? sounds weird xD
  12. (rss) feed: ainda temos que decidir
  13. por último: podes remover os pontos de interrogação nos que concordas que sejam assim, na tua lista acima? Por exemplo, em "varrer (?)/varredura", suponho que concordes com o "varrer", certo?
Awaiting your feedback. Por favor tentem responder a todos os pontos que levantei! :) --Waldir (talk) 09:30, 14 February 2009 (UTC)


  1. character: é sem dúvida caráter apesar de eu no dia-a-dia- dizer carater :). Malafaya 19:04, 14 February 2009 (UTC)
  2. hook e cache: eu também não traduziria

Malafaya 19:04, 14 February 2009 (UTC)


Vamos lá então:
  1. utilizador: de fato usuário é mais comum em pt-br, mas devido às interpretações dessa palavra (remeto a WP mais uma vez) já há mudanças para utilizador, acho que é bom seguir isso.
  2. override, setting, feature: ?, configuração, funcionalidade (na minha opinião)
  3. namespace: bem, podemos entrar num acordo por domínio então, mais uma pra revisão
  4. hook, cache, string: podemos manter os três então, se aparecer algum caso especial em relação ao último, podemos entrar em contato, mas a princípio, revisar
  5. alias: aqui também equivale a alcunha, mas já vi em outros lugares por vezes ou essa tradução, ou não traduzido
  6. expiry:: weird, mas é a tradução usual (leia-se, em softwares)
  7. (rss) feed:: prefiro não traduzir
alterei acima, os que não comentei são os casos pt-pt e os que já houve "consenso" --Eduardo.mps 19:39, 14 February 2009 (UTC)

Seria interessante também padronizar sempre article como página ou página de conteúdo (dependendo da frase traduzida). Apenas a Wikipédia tem artigos. O Wikisource tem unidades de texto, o Wikibooks tem módulos de livros, o Commons tem galerias... 555 18:34, 26 February 2009 (UTC)


Ok, guys, vai aqui um update. Acho importante decidirmos isto para podermos começar a padronização das mensagens, e para ajudar tanto novatos como experientes. (Por favor comentem por baixo de cada entrada para podermos manter as discussões localizadas. Se não discordarem das sugestões abaixo depois de algum tempo, marcá-las-ei como definitivas):

  1. alias: acho melhor ficar nome alternativo à falta de outra opção satisfatória. Apelido/alcunha aplicam-se mais a pessoas ou animais, para software não seria muito adequado. Se ninguém discordar, removerei o ponto de interrogação.
    Se é necessária a tradução, nome alternativo talvez seja a melhor opção. Apelido como utilizamos (no Brasil, pelo menos) corresponde diretamente a "nickname", e não a "alias". -- Rafael Vargas 12:21, 21 July 2009 (UTC)
  2. bug/issue: resolvi separar em dois: bug e issue. Issue é claramente um caso (podendo por exemplo ser um feature request e não necessariamente um problema), enquanto que bug diz respeito a um erro, falha no código. Convinha que escolhessemos uma das opções para standardizar o código. O que preferem? Problema? Erro? Falha? Defeito? Outro termo?
    "bug" é defeito ou problema, o que ficar melhor; "issue" é caso. São termos diferentes que dizem respeito a coisas diferentes. -- Rafael Vargas 12:21, 21 July 2009 (UTC)
  3. cache: acordamos então em não traduzir. Vou mover para a lista definitiva.
  4. character: de acordo com o wiktionary (1, 2), cará(c)ter serve, mas é ambíguo, enquanto cara(c)tere é também válido em pt-pt e pt-br, e tem apenas um significado. Acho altamente recomendável que usemos caratere, sendo assim. Se não discordarem, marco como definitivo.
    caractere é a tradução padrão de "character". Apenas literaturas muito antigas sobre computação traduziram como caráter, hoje o único termo utilizado é caractere mesmo.
  5. click: em que ficamos? clicar/clique são aceitáveis? ou pressionar/carregar? e como traduzir "(one) click"? não vejo opção senão "clique", e nesse caso não faria sentido não usar "clicar".
    Concordo com clique e clicar. -- Rafael Vargas 12:21, 21 July 2009 (UTC)
  6. copyright: malafaya, sendo tu o principal tradutor em pt-pt, gostava de ter a tua opinião sobre usarmos "direitos autorais".
  7. debug: proponho, com base nas sugestões do google translate, que usemos "depurar" (debugging seria "depuramento" ou "depuração"?)
    Concordo com "depurar" e, pra debugging, "depuração". -- Rafael Vargas 12:21, 21 July 2009 (UTC)
  8. directory: eduardo, lugusto, preciso do vosso parecer sobre pt-br. Em pt-pt penso ser pacífico usar pasta, mas como vocês usam "arquivo" e nós "ficheiro", I'm just asking :)
  9. disable: não tendo havido oposição, movi para a secção das traduções definitivas, como "desativar"
  10. expiry/timeout: o que acham de usarmos "validade"/"válido até"? soa mais natural e não deixa de ser correcto...
  11. feed: pessoalmente gosto de "fonte", mas já vi coisas como "rss feed source", como se traduziria isso nesse caso? origem da fonte rss? muito estranho, talvez o melhor mesmo seja não traduzir. O que acham?
    Não creio haver um termo em portugues que traduza o sentido de feed, concordo em não traduzir. -- Rafael Vargas 12:21, 21 July 2009 (UTC)
  12. hook, cache e string: não havendo discórdia, fica em inglês.
  13. feature: a única opinião expressa foi em defesa do funcionalidade. é também o recomendado pelo wiktionary. vou mover para o definitivo.
  14. file: pt:ficheiro, br:arquivo. não me parece haver problema aqui, movi para os confirmados.
  15. handler: manipulador está bom para vocês? se ninguém se manifestar moverei em breve para os confirmados.
    Creio que "tratador" seja um termo mais utilizado na área (computação), apesar de de "manipular" seja melhor as vezes. E handle? Não conheço termo que traduza, sugiro não traduzir e manter frases como: "determinada função retorna o handle da conexão", por exemplo, ou "manipula o handle do arquivo." -- Rafael Vargas 12:21, 21 July 2009 (UTC)
  16. screen: ecrã, tela?
    Para pt-pt:ecrã, pt-br:tela, assim como file também tem duas traduções estabelecidas. -- Rafael Vargas 12:21, 21 July 2009 (UTC)

(to be continued...)

--Waldir (talk) 16:22, 28 April 2009 (UTC)


Minhas opiniões sobre as palavras as quais não opinei. Lembrando que minhas opiniões refletem o portugues brasileiro.

  • embed/embedded: "embutir/embutido". Todos meus professores de hardware falavam embutido. Por que não «embeber, embebido»?
  • fetch: buscar, trazer
  • retrieve: recuperar
  • flag: marca/marcador
  • link: particularmente não gosto de traduções para este termo...
  • mouse: pt-br: "mouse", sem tradução, em pt-pt «rato»
  • namespace: domínio
  • password: "senha", porque não "senha"?
  • template: modelo
  • timestamp: "hora" simplesmente, sempre que for possível, "marcar a hora", "registro de hora".
  • token: "peça" (como em piece) ou "pedaço".
  • user: prefiro "usuário", mas "utilizador" é bastante usado e unificar o termo sempre ajuda.


--
Rafael Vargas 17:30, 21 July 2009 (UTC)

Contents

Thread titleRepliesLast modified
(pt) Rename018:18, 24 August 2018
(pt) Download120:44, 20 August 2018
(pt) Default021:23, 19 August 2018
(pt) Display019:51, 19 August 2018
(pt) Deflate (to ~)016:52, 19 August 2018
(pt) Disclaimer016:08, 19 August 2018
(pt) Purge416:08, 19 August 2018
(pt) Tag518:16, 9 February 2018
(pt) um(a) utilizador(a) conectado(a) bloqueado(a)301:56, 25 November 2016
(pt) Wikitext023:02, 15 November 2016
(pt) Projeto «histórico»512:41, 12 November 2016
(pt) Tradutores312:39, 12 November 2016
Validade519:15, 31 October 2016
(pt) Namespace = domínio x espaço nominal111:03, 29 October 2016
MediaWiki:Bs-flexiskin-api-id-desc/en020:25, 26 October 2016
Low quality of pt and pt-br translations1019:37, 26 October 2016
Criar diretórios/subpáginas por projeto119:13, 3 August 2015
Help! pt-br translations in pt1214:04, 18 June 2016
About MediaWiki:Config-pcre-old/pt-br317:32, 7 April 2014
Page Curation319:44, 11 September 2013
First page
First page
Previous page
Previous page
Last page
Last page

(pt) Rename

O auxiliar tinha a seguinte entrada:

rename (to ~): alterar o nome (e não "renomear")

Face a isto a Mansil alfalb achou por bem acrescentar a nova entrada:

rename: renomear (v.)

Citemos dicionários:

renomear1
1. dar renome a; tornar célebre
2. exaltar; celebrar

renomear2
nomear de novo; nomear outra vez

renomear in Dicionário infopédia da Língua Portuguesa [em linha]. Porto: Porto Editora, 2003-2018. [consult. 2018-08-24 19:09:23]. Disponível na Internet: https://www.infopedia.pt/dicionarios/lingua-portuguesa/renomear
re·no·me·ar
1. Dar renome a.
2. Celebrar.
3. Nomear de novo ou muitas vezes.

"renomear", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://www.priberam.pt/dlpo/renomear [consultado em 24-08-2018].

A nova entrada será apagada, porque é um brasileirismo.

Hamilton Abreu (talk)18:18, 24 August 2018

(pt) Download

A entrada existente para download diz:

download (to ~): fazer o download (sem itálico); descarregar; exportar; transferir (se a direção já estiver subentendida); antónimo: to upload

A Mansil alfalb adicionou as seguintes entradas:

download (v.): descarregar; transferir (como verbo, em informática; - Priberam -> [Informática] fazer download, neste caso download tem de estar em itálico: Transferir para um computador. = DESCARREGAR - embora a palavra que se vê mais utilizada em português é "transferir")
download (n.): descarregamento; transferência (como sujeito, em informática; embora a palavra que se vê mais utilizada em português é "transferência")

O uso das palavras «transferência» e «envio» para traduzir download e upload já foi feito na Wikimedia no passado. Encontra-se em certos sítios.

No entanto, a palavra «transferência» como tradução de download peca por ser demasiado genérica: tanto os downloads como os uploads são transferências de ficheiros entre computadores. É perfeitamente válido em português dizer-se, após um download, que o ficheiro foi transferido, porque o foi.

Adicionalmente, as palavras «transferência» e «envio» não são antónimas, o que introduz uma dificuldade adicional ao usá-las.

Só por pura convenção, tacitamente aceite e usada por todos, é que «transferência» pode significar download: convenciona-se assim e pronto, porque foi convencionado. Ora, o problema é que não existe aceitação geral para isso nem uso generalizado.

Por essa razão, manteve-se o uso preferencial das palavras «carregar» e «descarregar», com substantivos «carregamento» e «descarregamento» porque são claras e as duas palavras são antónimos. Outra opção seria exportar e importar. No entanto, a maioria dos portugueses e os media diz download e upload. É por isso que a entrada to download apresenta primeiro o estrangeirismo, depois «descarregar», depois «exportar» e finalmente «transferir (se a direção já estiver subentendida)».

Não me parece que as duas entradas adicionadas pela Mansil acrescentem nada de valor a isto. Cita o Priberam, mal: o que o Priberam diz, textualmente, é que fazer download é «descarregar»:

 download |daunelôude|
 (palavra inglesa)
 substantivo masculino
 1. [Informática]  Descarregamento de dados de um computador remoto para um computador local.
 fazer download
 • [Informática]  Transferir para um computador. = DESCARREGAR
 Plural: downloads.
 "download", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://www.priberam.pt/dlpo/download [consultado em 20-08-2018].

Como esta entrada não confirma as suas afirmações, a Mansil acha por bem citá-la mal, e adicionar «embora que a palavra que se vê mais utilizada é "transferir"», presumivelmente porque é a que prefere. O próprio Priberam, em «transferir» não acolhe nenhuma aceção desse tipo:

 trans·fe·rir
 (latim transfero, - erre)
 verbo transitivo
 1. Mudar, deslocar de um lugar para outro; transportar.
 2. Adiar.
 3. Transmitir; ceder.
 4. Passar.
 "transferir", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://www.priberam.pt/dlpo/transferir [consultado em 20-08-2018].

Mas acolhe-a em «descarregar»:

 des·car·re·gar
 (des- + carregar)
 verbo transitivo
 (...)
 11. [Informática]  Transferir para um computador.
 "DESCARREGAR", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://www.priberam.pt/dlpo/DESCARREGAR [consultado em 20-08-2018].

Portanto aquilo que a Mansil defende é uma opção pessoal sua, um gosto, uma preferência, que pretende divulgar ou impor, chegando a citar incorretamente um dicionário para fazê-lo.

Não há justificação para alterar download nem «descarregar» para «transferir» nas traduções existentes, nem vejo razão para alterarmos o uso de «carregar», «descarregar», substituindo-o por uma convenção justificada por uma preferência pessoal que não é aceite nem usada em geral.

A entrada da forma verbal será apagada, porque é duplicada da já existente, a outra será adaptada para referir as opções já mencionadas.

Se alguém se opõe que o justifique aqui, por favor.

Hamilton Abreu (talk)12:19, 20 August 2018

E para deixar a Mansil à vontade, o Dicionário da Língua Portuguesa da Porto Editora diz:

transferir
verbo transitivo
1. transportar ou fazer passar de um lugar para outro
2. transmitir a outrem
3. nomear para um lugar de igual categoria, mas em local diferente
4. mudar (de lugar, situação)
5. movimentar capitais entre contas ou bancos diferentes
6. adiar
verbo pronominal
1. ir para outro lugar
2. deslocar-se
enviar
verbo transitivo
1. fazer seguir para determinado destino ou destinatário
2. fazer partir para determinado lugar, geralmente com uma missão ou tarefa a cumprir
3. remeter; endereçar; dirigir
4. atirar; lançar

Portanto, «transferir» e «enviar» não são as traduções de download e upload de ficheiros; tais significados nem são mencionados na definição das duas palavras. Mas são-no na definição das seguintes:

carregar
verbo transitivo
(...)
14. INFORMÁTICA transferir (informação) de um computador para outro
descarregar
verbo transitivo
(...)
4. INFORMÁTICA copiar (dados, informação) de uma máquina remota ou central para outra local; baixar Brasil
Hamilton Abreu (talk)20:44, 20 August 2018
 

(pt) Default

A entrada default diz:

default: traduzido diferentemente em contextos diferentes, como:
«predefinido» algo definido de início e não passível de alteração,
«padrão» algo definido de início e normalmente não alterado, padronizado,
«inicial» algo definido de início e continuamente alterado, como um nível de ampliação,
«por omissão» algo que será usado se o utilizador não fornecer uma entrada que se pede ou espera que forneça;
ver também as entradas seguintes.
(Exemplo: Use defaults. Tradução: Usar os valores padrão.)
by default: por omissão
default settings: as configurações padrão
default value: o valor por omissão; o valor inicial
default designs: os designs predefinidos

A Mansil alfalb achou por bem adicionar a isto as duas entradas:

default (v.): predefinir )v.)
default (n.): predefinição (s.)

e acrescentar à entrada default value o texto a negrito:

default value: o valor por omissão; o valor inicial; valor predefinido

Em relação à primeira, default como forma verbal «to default», ela permite à Mansil traduzir a frase «defaults to yes» por «predefine para sim». Por exemplo, nesta tradução, a Mansil traduz «Defaults to stdout» por «Predefine para stdout».

Isto não faz sentido em português, porque não se diz que as coisas «predefinem» para um valor, nem acho que faça qualquer sentido dizê-lo. «Predefinir» tem dois significados:

  1. definir ou determinar antecipadamente; predeterminar
  2. predestinar; prognosticar

Significa isto que é incorreto dizer-se que as coisas predefinem para um valor, o que se pode dizer é que «foi predefinido um valor para uma coisa». Assim, a primeira entrada está incorreta porque usa um verbo português com um sentido que ele não admite, criando frases que atribuem às coisas a capacidade de predefinir valores, que estas não têm.

Em relação à segunda entrada, default como substantivo, a tradução original, a primeira que cito acima, parece-me já estar ricamente definida. Pretender-se substituí-la pela simples palavra «predefinição» não ajuda e, no caso do MediaWiki, só complica porque o termo «predefinição» já tem um significado extremamente específico.

Assim, não acho que estas duas entradas se justifiquem. A alteração feita a default value é possível, será mantida e acrescentada a quarta tradução possível «o valor padrão».

Se alguém se opõe, explique a sua posição aqui, por favor.

Hamilton Abreu (talk)21:23, 19 August 2018

(pt) Display

A Mansil alfalb acrescentou duas entradas para tradução de display:

display (inf., v.): visualizar (inf., v.)
display (inf., n.): visualização (inf., s.)

A abreviatura «inf.» em dicionários geralmente significa «infinitivo», mas não parece ser esse o caso aqui: não sei o que significa.

No entanto, na formal verbal, «to display» significa «apresentar» ou algo semelhante, não significa «visualizar».

Como substantivo, «the display» significa «o ecrã» ou algo semelhante, uma coisa onde podem ser apresentadas coisas, não significa «visualização».

Não me ocorrem contextos onde as traduções pudessem ser as introduzidas.

Já existe uma entrada para a forma verbal, «display (to ~)».

Assim, irei retirar estas duas entradas. Se alguém se opõe, ou se a Mansil quiser justificá-las, façam-no neste tópico, por favor.

Hamilton Abreu (talk)19:48, 19 August 2018

(pt) Deflate (to ~)

A definição anterior de deflate era:

deflate: Informática: comprimir

A Mansil sugere que esta tradução está incorreta:

deflate: Informática: comprimir (por favor, rever porque deveria ser o oposto)

A definição de deflate no Merriam-Webster apresenta como sinónimos contract, shrink, condense e compress.

A Microsoft apresenta como tradução de «Avro only supports Deflate compression»: O Avro só suporta a compressão Deflate.

Deflate é também o nome do conhecido algoritmo de compressão referido pela Microsoft.

Deflate surge em, pelo menos, quatro frases traduzíveis:

  1. MediaWiki:Exif-compression-8/en: Deflate (Adobe)
  2. MediaWiki:Exif-compression-32946/en: Deflate (PKZIP)
  3. Phabricator:phabricator-config-22beeb23e44558cf/en: Enable deflate compression
  4. Phabricator:phabricator-config-465a97a1d0660f7a/en: Disable deflate compression

todas associadas a algoritmos de compressão.

Pelo exposto acima, penso que a tradução está correta. Espero que todos concordem.

Hamilton Abreu (talk)16:52, 19 August 2018

(pt) Disclaimer

A definição anterior de disclaimer era:

disclaimer: termo de exoneração de responsabilidade

A Mansil sugere que se adote preferentemente limitação de responsabilidade:

disclaimer: limitação de responsabilidade (normalmente o utilizado); termo de exoneração de responsabilidade

Esta não deve ser uma questão de preferência ou de utilização normal. Uma limitação visa limitar as responsabilidades, enquanto uma exoneração visa excluir qualquer responsabilidade. Ambas são traduções válidas: se o texto que está a ser traduzido aceita algumas, mas não todas, as responsabilidades é uma limitação; se o texto que estamos a traduzir não aceita qualquer responsabilidade é uma exoneração. Assim, a definição foi alterada para:

disclaimer: a limitação de responsabilidade (se visa aceitar alguma responsabilidade, mas limitá-la); a exoneração de responsabilidade (se exclui toda e qualquer responsabilidade)

Espero que esta definição tenha o acordo de todos.

Hamilton Abreu (talk)16:07, 19 August 2018

(pt) Purge

Nemo (talk)05:51, 23 July 2018

"Purgar" does not apply in this case [1][2]. I presented a trustworthy dictionary source in the edit summary, but no justification or dialogue from the other side. "Recarregar", on the other hand, is used - [3] [4]

VítoR (♪)10:23, 23 July 2018
 

Vitor's justification is that purgar does not apply in this case, but does not state why not.

He seems to believe that the message is about reloading (recarregar) the page. He doesn't seem to understand that the message is about clearing the cached copy of the page from the cache.

"To clear" (limpar), is the first meaning of «purgar» in the dictionary entry that he linked. Therefore, the term is totally adequate.

In the English to Portuguese dictionary, the first translation to Portuguese of purge is limpar (to clear) and the second purgar, so the translation used is right on the money, of course.

In Portuguese IT, the operation «purge» has always been translated as purgar, alternative synonyms limpar (to clear), remover (to remove). Never recarregar (to reload).

Besides, the cheatsheet, which he ignores, has stated since 2011 that "purge" is translated as purgar, as you can see in p.

There are 11 other messages of MediaWiki with "purge" translated to purgar, including the header of the page where this message appears, which states "Purge this page?". It is not appropriate to proceed from that question and start the next sentence with "Reloading the page will", something that is completely different; you're either purging or reloading they're not synonyms.

If that wasn't enough, the translation of this page in Spanish it's "purgar", in Galician it's "purgar", in Brasilian Portuguese it's "purgar", in French it's "purger" and in English "to purge". This might mean that all these translators plus myself are wrong, and Vitor is right, but is quite unlikely.

The crux of it is that Vitor has not learnt a thing about cooperative editing. His instinct is always to go for the edit war. He sees himself as perched up high and everyone needs to come and justify themselves to him. He will then ponder whether to undo his changes or just ignore the message. Of course, he provided no such justification when he changed my original translation of the message, from "purgar" to his "recarregar".

Hamilton Abreu (talk)10:01, 30 July 2018

"In Portuguese IT, the operation «purge» has always been translated as purgar, alternative synonyms limpar (to clear), remover (to remove). Never recarregar (to reload)." - source?

And of course you need to justify when you change work of someone else with your wrong translations.

Oh, and the cheatsheet is invalid since was made by one only user mostly... You.

VítoR (♪)14:30, 30 July 2018

You still have not presented the reason why purgar does not supposedly "apply in this case", as you put it. What is the reason?

Hamilton Abreu (talk)18:21, 30 July 2018
 
 
 

«Tag» é outro calvário. Havia «elemento», vindo da expressão «elemento HTML», mas presumo que seja um termo demasiado genérico, porque ninguém o adota. Torna-se ambíguo se não vier seguido de <algo assim>, que demonstre do que se está a falar, qualquer componente da página pode ser um «elemento».

Então, estamos a usar «elemento», «etiqueta», «marcação», «tag».

Começa a parecer-me que o melhor é deixar como «tag» mesmo, se possível, em itálico, porque logo que se vê tag sabemos do que se está a falar. «Etiqueta» já é usado noutro sentido, o de etiquetar edições (que antes se chamava «marcar», como em «marcar esta edição como menor»). A vossa opinião?

Hamilton Abreu (talk)14:18, 16 November 2016

No caso de mw:Help:Tags, estou começando a achar melhor usar tag mesmo, pois a tendência parece ser um aumento no número de tags que podem ser associadas a cada revisão (exemplo), e o consequente aumento no espaço utilizado nos históricos e mudanças recentes. Sendo assim, o uso de "tag" em vez de "etiqueta" teria ainda a vantagem de economizar o espaço de alguns caracteres.

Para "HTML tags" prefiro o uso de "elementos HTML".

Helder13:13, 8 January 2018

Olá Helder,

creio que não compreendi. Sugeres que se mude «etiqueta de modificação» para «tag de modificação» para que, em vez de aparecer:

  • (Etiquetas: Inserção de predefinição obsoleta, Edição via dispositivo móvel, Edição feita através do site móvel, Redirecionamento removido)

passe a aparecer:

  • (Tags: Inserção de predefinição obsoleta, Edição via dispositivo móvel, Edição feita através do site móvel, Redirecionamento removido)

É isso?

Hamilton Abreu (talk)20:07, 10 January 2018

Sim, foi isso o que quis dizer (mas não é uma preferência forte).

Helder19:51, 31 January 2018
 
 

Discordo, mesmo sendo ambíguo pode-se adaptar o termo para o português, devemos evitar estrangeirismos sempre que possível (exceto em certos casos), a língua portuguesa e Camões agradecem.

Athena in Wonderland (talk)21:08, 23 January 2018

Olá Athena, a questão é que adaptar para o português só deve ser feito se a) existir em português um termo consensual para a tradução que b) todos os portugueses usem e c) se entendam ao usá-lo.

Se o termo usado introduzir ambiguidades, só dificulta e ninguém o usa. É por isso que os portugueses usam «rato», «teclado» e «ecrã», mas não usam «ligação», «elemento», «navegador», «sítio», etc.

Se o termo usado for demasiado extenso, só dificulta e ninguém o usa. É por isso que os portugueses não usam «endereço de correio eletrónico».

É uma discussão muito interessante, esta, e podemos aprofundar estes conceitos se quiseres. Em geral, nota-se que as pessoas recorrem à crítica acéfala («eles gostam é de estrangeirices») presumindo que os outros é que são tolos, em vez de terem a inteligência de compreender porque é que certas traduções para português pegam e outras não, e usar este conhecimento como guia para traduções futuras.

Abraço

Hamilton Abreu (talk)18:16, 9 February 2018
 
 

(pt) um(a) utilizador(a) conectado(a) bloqueado(a)

Olá tradutores,

Existe uma linha ténue entre aquilo que se pretende ao escrever «nome de utilizador(a)» e a dificuldade de leitura causada pela profusão de «o(a)» no texto. Eu tenho opiniões sobre o fenómeno recente de importação para a língua portuguesa dos problemas que outros, os falantes da língua inglesa, têm, mas não me vou alongar sobre isso.

Parece-me que construções frásicas como as seguintes, devem ser evitadas:

Isto não se faz assim! O MediaWiki é provavelmente o único software que tem a função {{GENDER}} para adaptação da sua interface ao género do utilizador. Ela foi criada precisamente para evitar estas construções! Ao fazer estas coisas estamos a agir contra o espírito do programa e não a favor da igualdade de géneros, que é outra coisa que nada tem a ver com interfaces.

Existindo uma necessidade genuína de adaptar uma mensagem ao género do utilizador, não usem «o(a)». Criem um pedido na página de Suporte para que GENDER possa ser usado nessa mensagem. Existem lá centenas de exemplos a pedi-lo, que podem seguir. Quando GENDER estiver disponível na mensagem, ela será marcada «!!FUZZY!!» para ser revista. Criem a mensagem sem «o(a») e esperem até que GENDER esteja disponível, por favor.

E deve imperar o bom-senso. Convém ter em mente que a forma «nome de utilizador» tem género neutro! A forma masculina é «nome do utilizador» e a forma feminina é «nome da utilizadora». Quem tem género é a pessoa. Em especial, uma utilizadora tem um nome de utilizador. E, em particular, «nome de utilizadora» não é feminino, é neutro e não se usa, a forma neutra é «nome de utilizador».

Em alguns casos, muito poucos, poderá existir uma necessidade absoluta de usar «o(a)». Quando é que há uma necessidade absoluta de distinguir o género desta forma?

A meu ver, só quando a mensagem endereça diretamente o utilizador (não se refere a terceiros, refere-se ao próprio utilizador) e não é possível determinar o género. Por exemplo, nas mensagens que têm o conteúdo de um correio eletrónico.

Mas, desde que a mensagem esteja a falar sobre terceiros, rege o género neutro. Por exemplo, na interface para bloquear utilizadores, quem bloqueia, independentemente do seu género, está a bloquear um terceiro. É incorreto apresentar "Nome de utilizador(a):".

Considerem, por exemplo, que galego, espanhol, francês e italiano são línguas românicas como a nossa e não se vê o(a) na interface toda. Pensem nisto, deem a vossa opinião, e não utilizem o(a) sem haver necessidade absoluta disso, por favor.

Abraço a todas(os)

Hamilton Abreu (talk)21:33, 6 November 2016

Deixo um exemplo prático recente. Duas das mensagens:

tinham «bloqueado(a)». Retirei-o.

Abri, no Phabricator, o pedido T150420. Quando abrirem pedidos destes, no campo «Tag» coloca-se «I18n». O resto é o normal, assunto e conteúdo.

Depois, informei aqui que tinha feito o pedido, na mensagem Thread:Support/Gender support for "you are blocked" indicando o pedido no Phabricator.

Quando o pedido for atendido, o pedido do Phabricator é fechado por eles lá, a mensagem que coloquei no Suporte é fechada pela malta cá, e estas mensagens são passadas a "!!FUZZY!!" para serem revistas e atualizadas.

Nessa altura, introduz-se {{GENDER:$x|bloqueado|bloqueada}} sem o terceiro neutro «bloqueado(a)». Está nas mãos dos utilizadores identificar a forma como pretendem ser endereçados, se alguma, e não do software tentar cobrir todas as possibilidades.

Qualquer dúvida, gritem.

Abraço

Hamilton Abreu (talk)13:01, 10 November 2016

Pronto, estas já estão.

Hamilton Abreu (talk)23:24, 17 November 2016
 

Phabricator T151600: Add gender support to several MediaWiki:Notification-bs-pageassignments... messages

Gender support is needed for "you have been added" in messages:

and for "you have been removed" in messages:

The gender of the user that was added should be made available in:

and the gender of the user that was removed should be made available in:

Hamilton Abreu (talk)01:54, 25 November 2016
 

(pt) Wikitext

Olá a todos,

«Wikitext» é outro dos nossos desafios. Temos «wikitexto», «texto wiki», «texto com notação wiki». O primeiro é neologismo + estrangeirismo + mal formado. O terceiro é longo, ninguém gosta, ninguém usa, não vale a pena insistir. O segundo, pelo menos, é em português. Concordam em padronizar isto tudo com «texto wiki»? Têm sugestão melhor?

Abraço

Hamilton Abreu (talk)23:02, 15 November 2016

(pt) Projeto «histórico»

Olá a todos,

Para mim, o uso do termo «histórico» no MediaWiki deve ser o maior dos pontapés na língua portuguesa de Portugal que por cá restam. Tenho para mim que:

histórico: adjetivo masculino relativo à história
historial: substantivo masculino conjunto dos factos históricos relativos a uma coisa

Portanto «histórico» sempre foi um adjetivo, existe para qualificar outras palavras, como em «facto histórico», «registo histórico», etc. Em Portugal, não é um substantivo, portanto não é o nome de nenhuma coisa, nem há nada que em Portugal se possa chamar um «histórico». O caso não é o mesmo no Brasil. Significa isto que o uso do termo no MediaWiki em pt é para mim uma calinada inenarrável e sempre que tenho de escrevê-lo torço-me todo.

Ora, em Portugal, que eu saiba, nenhum dicionário além do Priberam admite o uso de «histórico» como substantivo sequer. O próprio Priberam, que o admite, fá-lo de forma que me deixa pasmado. Afirma que é sinónimo de historiador, como se alguém neste país se referisse a um historiador como o «histórico». E não regista o uso absolutamente frequente de «histórico» para designar quem é muito sénior numa entidade, como em: «João cravinho, o histórico do PS» e «Ângelo Correia, o histórico do PSD».

Isto é absoluta novidade para alguém, ou estamos todos de acordo que o termo não tem cabimento em pt?

Hamilton Abreu (talk)20:23, 31 October 2016

Não, não estamos todos de acordo. Já agora porque não cria um dicionário só seu e o implementa por aqui? É pena que os administradores, que nem portugueses são, não vejam os problemas que estão a causar ao lhe darem liberdade total.

⠧⠌⠞⠕⠗ (♪)13:36, 9 November 2016

Há razões para não estarmos, ou não estamos, apenas?

Hamilton Abreu (talk)19:02, 9 November 2016

A sua palavra não é ordem [1].

⠧⠌⠞⠕⠗ (♪)13:41, 10 November 2016

A minha palavra, ordem?

Eu tinha referido acima o que o Priberam diz, e que também afirma que é sinónimo de historiador(!). Desconheço tal coisa, nunca o termo significou isso em Portugal.

Também referi que a Infopédia não admite sequer o termo, como substantivo. Isto não significa nada? Está mais alinhado com o que sempre conheci da língua portuguesa. Aliás, é simples:

e encontras 769 000 resultados:

etc., etc., etc. e não estamos propriamente a falar do Zé da esquina (exceto a coisa do Benfica :). Em Portugal sempre se usou «historial» para designar o que está em questão.

Quem usa «histórico» como ele surge no MediaWiki, e não usa a palavra «historial», é o Brasil!

Hamilton Abreu (talk)15:27, 10 November 2016

Não sei se percebeu... mas não interessa somente o que você acha, interessa que existe pelo menos um dicionário que refere o termo, logo é aceite. Aqui interessam as opiniões do Zé, do Manel, do Joaquim, etc. Não simplesmente a sua, porque você desconhece ou acha que deve ser dessa maneira.

⠧⠌⠞⠕⠗ (♪)12:41, 12 November 2016
 
 
 
 
 

(pt) Tradutores

Olá a todos,

Solicita-se aos tradutores pt, em especial aos recentes, que se familiarizem com o Auxiliar de Tradução para o Português Europeu (pt) e com as recomendações ao fundo do mesmo.

Em particular, não façam a tradução nem a revisão de frases individuais e descontextualizadas, mesmo que o software as ofereça para tradução e revisão dessa forma. Só devem agir sobre um grupo de traduções depois de ler e analisar todas as mensagens desse grupo.

Para agir sobre grupos de mensagens (e não sobre cada uma individualizada), cliquem aqui:

e vejam cada grupo. Escolhem um grupo, e escolhem Todas as mensagens. Depois trabalham nesse grupo de mensagens como um todo.

Temos demasiadas frases dentro do mesmo grupo que se referem à mesma coisa usando termos diferentes, se dirigem ao utilizador de formas diferentes, etc. Temos imensos grupos em que foi traduzida uma pequena percentagem de mensagens. Mais vale traduzir ou rever todas as mensagens de um só grupo, do que uma em cada grupo.

Se estiverem a usar a interface de tradução "gráfica", o nome da mensagem que estamos a traduzir aparece em cima, e tem uma seta ao lado. Cliquem na seta, aparece um menu. Selecionem «Mostrar no editor wiki». Isto leva-nos à mensagem individual.

Chegados a uma mensagem individual, para saber a que grupo ela pertence, cliquem em editar. Na caixa onde aparece a mensagem em inglês, no título que está ao topo dessa caixa, têm o link para o grupo de mensagens a que ela pertence.

Assim, pode-se sempre chegar ao grupo de mensagens e trabalhar no grupo como um todo.

Abraço

Hamilton Abreu (talk)20:07, 9 November 2016

O "auxiliar" foi elaborado na sua maioria por uma pessoa, sem consenso nem discussão, por isso não deve ser considerado válido para guia até ocorrer uma discussão.

⠧⠌⠞⠕⠗ (♪)13:38, 10 November 2016

Sim, ele foi elaborado na maioria por uma pessoa. E sim, está aberto a discussão.

Pelo menos, existe, houve quem se desse ao trabalho de o fazer!

O que é bem mais, e merece mais respeito, do que essa constante altivez e abundância de opiniões, sem substância que justifique qualquer das duas.

Hamilton Abreu (talk)15:59, 10 November 2016

Pois, mas sem discussão por parte da comunidade torna trabalho feito por convicções (erradas, por vezes) de uma pessoa apenas. Validade nula.

⠧⠌⠞⠕⠗ (♪)12:39, 12 November 2016
 
 
 

Dificilmente um auxiliar de tradução como este deve ser tido em conta, muito menos utilizado por editores novatos que acabaram de chegar e querem colaborar. Realizado, na sua maioria, apenas por uma pessoa com a inclusão das suas próprias convicções ainda que erradas e distorcidas em relação ao idioma a que pretende fazer jus. Sendo que algumas das sugestões apontadas por editores em 2009 estão agora a ser colocadas em questão por um único utilizador (exemplo: "Domínio" e "espaço nominal"). "Quaisquer alterações a esta lista devem primeiro ser propostas na página de discussão", o que não sei é desde quando é que isto acontece ([1], [2]), mas a avaliar pelo histórico das páginas este guia não tem qualquer relevância ou autoridade para ser cumprido.

⠧⠌⠞⠕⠗ (♪)16:39, 28 October 2016

Caro Vitor, a tua atitude é inadequada para um projeto colaborativo.

Não podes ter a atitude agressiva, de imediatamente reverter o trabalho dos outros e partir logo para o fomento de guerras de edições, que são infantis. É falta de educação e espelha menosprezo pelos outros.

Quando tiveres questões, coloca-as primeiro às pessoas, fala, expressa e defende o teu ponto de vista, como fazem os adultos, e tenta chegar a consensos. Se as coisas estiverem mesmo mal, podes sempre ir lá e reverter mais tarde quando houver consenso.

E pior que a atitude, a adulteração que fizeste, durante uma suposta "reversão", para sustentar opiniões pessoais tuas, é inaceitável. Isso nunca se faz.

Hamilton Abreu (talk)18:08, 28 October 2016

Caro, a sua atitude sim é inaceitável num projeto colaborativo.

Tenho todo o direito de discordar de implementação de informação que só você desenhou e acrescentou. Para que seja validada, precisa de ser discutida previamente, tenha sido adicionada hoje ou no começo desta wiki.

⠧⠌⠞⠕⠗ (♪)18:39, 28 October 2016

Vitor, desculpa, mas não se percebe se tu não lês as coisas, se as lês mas não as compreendes, ou se as lês e compreendes mas ignoras, porque não se enquadram nas tuas pretensões. Para confirmar se é esta última, vou soletrar-te isto com todas as sílabas:

A minha revisão das 17h18min de 28 de outubro de 2016 adicionou um único termo:
  • «content namespace».
Quatro minutos depois, a tua revisão das 17h22min de 28 de outubro de 2016 finge ser uma reversão: (Undo revision 7086043 by Hamilton Abreu (talk) discutido onde? Em lado nenhum... "espaço nominal"...). mas adulteraste-a, retirando adicionalmente uma linha que não te agrada:
  • «namespace».
  • «content namespace».
Ora, «namespace» está lá há quase seis anos, foi adicionado na revisão das 23h42min de 10 de março de 2011. Era usado em 2008, até 2010 havia uma mistura, foi padronizado em 2010, inserido ali em 2011, e nada que faças altera a verdade destas afirmações. As coisas estão lá para todos verem. Não te agradam, eu sei.

Se compreendes isto, compreendes com certeza que não deves continuar a reverter a página, tentando impedir que seja reposta a verdade. As guerras de edições intermináveis em que sempre andas envolvido, mais não fazem do que denunciar infantilidade e falta de respeito pelos outros e pela verdade.

Faças as reversões que fizeres à página, nada neste mundo altera a verdade dos factos: a de que até recorres à adulteração propositada do trabalho dos outros para impor a tua vontade. E isto não abona a teu favor, é uma vergonha.

Seria uma demonstração de algum carácter ires lá e desfazer as reversões que tens feito. Não precisas de pedir desculpa, desfaz só. E pensa um bocadinho se essa tua vontade que precisa de recorrer à mentira para se impor merece consideração dos outros.

Hamilton Abreu (talk)21:25, 29 October 2016

O termo "espaço nominal" foi recebido com consenso onde? quando? por quem? Quando conseguir apontar ligações que comprovem que pode ser adicionado à página porque foi decidido em consenso, poderá reverter ou até mesmo eu o farei.

⠧⠌⠞⠕⠗ (♪)16:43, 30 October 2016

Então confirma-se que era mesmo a última.

Eu não afirmei que tivesse havido consenso para o termo, não vejo onde tenhas ido buscar isso.

Hamilton Abreu (talk)19:15, 31 October 2016
 
 
 
 
 

(pt) Namespace = domínio x espaço nominal

Olá a todos.

Desculpem a mensagem longa, mas tentei fazer um apanhado da situação destas traduções, apresentando também algumas razões porque as coisas foram feitas. É preciso ler com calma.

Inicialmente (2008-2012), eram usadas várias traduções no MediaWiki para namespace:

A tradução nunca foi consensual. Já em 2009 o Waldir comentava, com bastante piada, a propósito do lapso "nomínio": «lol incidentally "nomínio" would actually be a great compromise between "domínio" and "espaço nominal"!».

Creio ser consensual que devemos usar um único termo de tradução para a mesma coisa, a questão é qual termo adotar.

Por alturas de 2010, tentei padronizar a tradução como «espaço nominal» em todas as traduções existentes na altura. A escolha justifica-se porque o termo «domínio»:

  • sempre existiu no conceito de domínio DNS.
  • Portanto é usado em relação a endereços URL:
  • mas gera confusão quando se fala do domínio URL de páginas em wikis. :
  • «Para páginas de destino, coloque um título por linha e use título@domínio (por exemplo, User_talk:Example@pt.wikipedia.org)»
  • «Quando visita um domínio vinculado sem sessão iniciada, o sistema de autenticação central usa esta página para determinar se está autenticado no domínio central.»
  • Por exemplo, adivinhem a que é que as seguintes traduções se referem (domain ou namespace) sem ir lá ver o texto em inglês:
  • «A entrega de "$4" em $3 foi ignorada porque o destinatário trata-se de um domínio em que não é permitida a receção de mensagens.»
  • «Desculpe, mas não tem privilégios para administrar os domínios privados permitidos nesta wiki. Só os burocratas e os membros da equipa têm acesso.»
  • «A página não é indexada por robôs porque contém a palavra mágica __NOINDEX__ e está num domínio onde esta palavra mágica é permitida.»
  • «O domínio importado "$1" é desconhecido. Certifique-se que os detalhes de importação OWL estão disponíveis mediante MediaWiki:Smw import $1»
  • «Criar ou editar notificação a ser enviada para domínios selecionados.»
Resposta: «domain» na segunda, «namespace» nas restantes.
  • pela mesma razão, aplica-se a endereços de email:
  • «Muitos servidores de correio eletrónico exigem que pelo menos a parte do nome do domínio seja válida.»
  • é usado em CORS:
  • «Ao aceder à API usando um pedido AJAX entre domínios (CORS), coloque aqui o domínio de origem.»
  • é usado para imagens no domínio público e licenças:
  • «o ficheiro está no domínio público.»
  • «Creative Commons Zero (Domínio Público)»
  • também tem, claro, a aceção normal do termo fora deste contexto, como usado no Babel:

O termo foi padronizado aqui e foi padronizado no manual do MediaWiki em 2010. O manual entretanto foi meio à vida e precisa de ser refeito, mas o termo ainda subsiste embora procurando bem se deva encontrar de tudo por lá...

Desde a padronização do termo, voltaram a surgir alternativas:

A influência da Wikipédia é permanente, Em 2013, chega o Vitorvicentevalente e trata de alterar muitas para «domínio», mas não padronizou o termo aqui, não alterou o manual, etc. Mudou as que se veem no ecrã, que é o que interessava. Quanto a esta iniciativa, não vou tecer comentários.

Neste momento, temos aqui:

  • «domínio» 197 ocorrências, entre usos como domain e como namespace.
  • «espaço nominal» 61 ocorrências, como namespace.

Se retirarmos as ocorrência de «domínio» com o significado apropriado de «domain», as traduções devem estar ela por ela, metade «domínio», metade «espaço nominal». E temos «espaço nominal» no manual do MediaWiki (e «espaço de nomes» e o arraial do costume...).

Está visto que consenso é para esquecer... mas consistência dava algum jeito. A vossa opinião sobre como podíamos proceder de forma a termos consistência?

Abraço a todos

Hamilton Abreu (talk)17:10, 28 October 2016

Pronto, uma pessoa tentou padronizar "espaço nominal" e este deve ser o termo a ser utilizado de futuro... uma expressão inventada em 2010. Sem mais delongas, penso que o termo "domínio" é o mais correto para este caso, dado que "espaço nominal" é uma corriqueira tradução de namespace.

⠧⠌⠞⠕⠗ (♪)11:03, 29 October 2016
 

Low quality of pt and pt-br translations

Is possible to full review users with translation access for pt and pt-br messages to only those that are experienced editors in large public MediaWiki instances?

On [1] and [2] you can see one example of misundertands, including some implicit xenophobic isss between Portugal<>Brazil.

The quality is low in a such level that it's most easy to erase current pt and ptbr translation s and start translating again from the scratch.

555 (talk)22:20, 3 July 2014

Indeed, please someone have to do a full review at contributions of the user above. In European Portuguese, "desfazer" is the most appropriate term to undo an edit. It's not that hard, just consult the dictionary [1] [2]. The only thing this editor does is rollback valid changes without any real reason.

VítoR™ (♪)22:34, 3 July 2014

Vitorvicentevalente, thanks for caring about correctness of language, but please don't edit war. You changed a 6+ years old translation for a very visible feature and someone disagreed; the logical action is to restore and discuss. I've not checked other translations but for this specific case please get consensus on portal talk:pt first.

Nemo (talk)22:57, 3 July 2014

But that word is not appropriate in European Portuguese, perhaps in the Brazilian dialect which he uses. Please, confirm the information on Portuguese dictionary and you'll understand which of the terms is correct.

VítoR™ (♪)23:12, 3 July 2014

This is wiki jargon, it can't be judged solely with a standard dictionary at hand nor changed without some consensus.

Nemo (talk)23:47, 3 July 2014

So then we use the wrong term ... that seems right! Well, I'm not going to start any edit war so do what you have to do.

VítoR™ (♪)00:02, 4 July 2014
 
 
 
 

I mentioned this change in translation at w:pt:Project talk:Reversor#Nome_do_bot.C3.A3o.

Helder.wiki (talk)12:53, 14 July 2014
 

555, is this solved?

Nemo (talk)16:47, 27 August 2014
 

I'm not seeing edit wars any longer, so I'm closing this for now. The only edit wars I found are with a new user who was changing translations without explaining why, e.g. [1]. The discussion has been a bit harsh but respectful.

I still see a great need for pt translators to communicate more on portal talk:pt, so I encourage everyone to watchlist, follow and use that talk page.

Nemo (talk)17:34, 15 February 2015
 

Criar diretórios/subpáginas por projeto

Olá, O que acham de criar essas páginas e diretórios ex.:

  • Reúne uma lista com as traduções e terminologias gerais mais críticas (excluir/eliminar, salvar/gravar etc) e recursos (websites, outros projetos e comunidades de tradução etc) para traduções:
  • - Glossário PT-PT
  • - Glossário PT-BR

Em alguns casos o que estiver definido no glossário geral não vai poder ser usado ou precisa ser redefinido no contexto do projeto/software (as exceções) então sugiro criar páginas dos projetos por ex.:

Seções:
  • "Sobre", texto sobre o projeto, link pro mediawiki etc.
  • "Glossário específico" com a tradução das palavras que precisam de tradução especial pra o projeto
  • "Estatísticas"
  • etc
Na página de Discussão, discutimos e votamos quais termo usar etc.
Dianakc (talk)02:10, 19 May 2015

Dado o abandono do portal PT deste sítio, acredito que a criação de páginas para projetos em particular seja insensato. Quanto ao glossário, é realmente necessário, tanto o é que foi iniciado no topo desta página, seria mais uma questão de desenvolver uma versão final e em acordo com todos.

Cainamarques (talk)19:13, 3 August 2015
 

Help! pt-br translations in pt

Sorry, I don't know if you're the right person for this but help is needed. This user (Luckas [ talk · contribs ]) is changing translations from European Portuguese to Brazilian. He was warned and reverted but insists on that change. See his contributions for more details please.

VítoR™ (♪)15:26, 10 May 2014

When he doesn't stop changing messages, I can block him. Please let me know further misbehaviour.

\m/etalhead 15:45, 10 May 2014

I hope it stops. I'm reverting his incorrect changes for minutes!

VítoR™ (♪)15:51, 10 May 2014

First of all, I'm not a vandal, as this user above tries to say. As I don't intend to make this a war, some words are very similar (only one letter different), these ones I agree to revert, but this represent only a few messages. The real problem comes now:

Let's make some things clear:

  • There are two main countries that speak Portuguese: Brazil and Portugal. According to http://stats.wikimedia.org/wikimedia/squids/SquidReportPageViewsPerCountryOverview.htm Brazil has 3% of page views in wikipedia and Portugal has 0.4%. That's a big difference, but in fact, the pt version, is an european portuguese version, because most of messages were translated by portuguese editors. What I wanna do is changing some words to brazilian version, because we are much more users.
  • In the past, there was a "pt-pt" (european portuguese) version, but was removed due to lack of translations
  • Some users (not brazilians) translated a lot of messages in pt-br, and I had to correct some. If you want to block someone, block these editors who translated a version they don't speak.
  • I remember the namespace "User" was "Usuário" and somebody changed to "Utilizador", and I didn't see this user complaining about it.
Luckas (talk)18:46, 10 May 2014

What? That's just stupid... "because we are much more users"?? Messages for Brazilian version is under the category "pt-br". The other category ("pt") is for the European Portuguese version, end of story.

VítoR™ (♪)22:11, 10 May 2014

"The other category ("pt") is for the European Portuguese version, end of story."

YOU ARE KIDDING!!! Where is it written that pt is European Portuguese? Do you know in the past there were pt-pt (really European Portuguese) and it was removed?

Luckas (talk)23:26, 10 May 2014
 

Hello Luckas, thanks for your efforts: working on consistency of translation in very important. However, please keep (or move) pt-br translations in the pt-br language code: I'm not aware of any case in MediaWiki where a locale (like Brasilian Portuguese) is allowed to use two language codes (like pt and pt-br at the same time).

  • If you want "pt" to contain the "pt-br" locale, please propose it on portal talk:Pt and reach a consensus among translators. The consensus will need to be supported by sources on the definition of said language codes.
  • If you just want Wikipedia to default to pt-br because of the number of visitors, propose on w:pt:Wikipédia:Esplanada that the wiki's interface language be changed to pt-br (see m:Requesting_wiki_configuration_changes).

In case of further changes (especially mass changes) made outside of the process outlined above, I'll be forced to remove your translator flag.

Nemo (talk)06:42, 15 May 2014
 
 
 
 
 

Em

Fatal: PCRE $1 or later is required.
Your PHP binary is linked with PCRE $2.
More information.

o verbo "to link" na segunda linha costuma ser traduzido, em jargão técnico, como linkedição ou link-edição. Não espero que essa tradução pragmática sirva para contextos gerais, e gostaria de conhecer outras sugestões de tradução.

Observei que usar penas a palavra "link" (sem tradução) não é aceitável, porque essa palavra adquiriu a conotação de "criar hiperlinks http" (sendo, portanto, uma ambiguidade que pode dificultar o consumo/compreensão da mensagem).

Usei provisoriamente a tradução "foi acoplado".

--Cybermandrake (talk) 11:52, 7 April 2014 (UTC)

Cybermandrake (talk)11:52, 7 April 2014

This was my first question asked here, the interface offered me to "ask a question", but didn't say to whom. I'm sorry, I've believed to be talking to other translators, if this is not adequate, the thread can be erased (but I'm curious: where should I ask such questions?)

Cybermandrake (talk)11:58, 7 April 2014

No problem, it's easy to move to the right place. :)

Nemo (talk)15:37, 7 April 2014

Thanks a lot.

Cybermandrake (talk)17:32, 7 April 2014
 
 
 

Page Curation

Alguma sugestão de como traduzir isso?

  • Curadoria de páginas, curar um artigo, registro da curadoria de páginas, etc...
  • Tratamento de páginas, tratar um artigo, registro de tratamento de páginas, etc...
  • Gerenciamento de páginas, gerenciar um artigo, registro de gerenciamento de páginas...
  •  ???
Helder00:31, 3 November 2012

Vi que traduziu para "Curação de Páginas", mas "curação" nem sem sequer existe nos dicionários que procurei. Acho que as melhores opções devam ser "Gestão de Páginas" ou "Curadoria de Páginas".

Cainamarques (talk)19:03, 11 September 2013

Aceito ambas as opções.

Helder19:41, 11 September 2013
 

Por ora padronizei para "Curadoria", era a mais utilizada de qualquer forma. Um bom guia prévio para a tradução do termo seria a mensagem MediaWiki:Pagetriage-toolbar-linktext/en, pois a expressão "curar este artigo" não fica muito bom.

Cainamarques (talk)19:44, 11 September 2013
 
First page
First page
Previous page
Previous page
Last page
Last page